sexta-feira, 23 de maio de 2014

Filatelia da ecoeficiência

Selos verdes indicam práticas sustentáveis nas obras e, depois, mais economia no consumo de água e energia durante o uso da edificação. Aqua e Leed dominam o mercado.
1. Aqua. Certificação da Fundação Vanzolini para imóveis habitacionais e de serviços (são 14 critérios), bairro e loteamento (17 critérios). Avaliação em cada uma das três fases anteprojeto, projeto e construção com auditorias presenciais. Destaque: equilíbrio entre eficiência e conforto.
2. Leed. Selo do U.S. Green Building Council para imóveis novos e retrofit, bairros e estádios. A pontuação (110 pontos) divide-se em espaços sustentáveis, uso racional de água e energia, qualidade ambiental e inovação. Auditoria por documentação. Destaque: desempenho energético.
3. Procel Edifica. Programa do Ministério de Minas e Energia promove eficiência no uso de eletricidade e água.
4. Caixa Azul. Certificação da Caixa Econômica Federal restrita a edificações residenciais. Auditoria com medições mensais ou vistorias específicas.
5. Breeam. Selo inglês criado na década de 1990, disponível para qualquer tipo de empreendimento, ainda não adaptado ao Brasil. (cliptvnews)

Nenhum comentário: