segunda-feira, 11 de março de 2013

Tipos de aquíferos

Existem certos tipos de aquíferos. Os principais são:
Porosos: onde a água circula através dos poros das rochas.
Fissural ou fraturados: onde a água circula através das fissuras, fraturas ou falhas das rochas.
Cársticos: onde a água circula pelas aberturas ou cavidades causadas pelo desgaste das rochas e formando rios subterrâneos.
Esquema dos três principais tipos de aquíferos.
Dentre essas classificações, os aquíferos podem ser livres (freáticos) ou confinados(artesianos):
Livres ou Freáticos: quando a pressão dentro do aquífero é igual a pressão atmosférica, pois há um espaço nele sem água, só com ar. Nele, também há a alteração de volume de água devida as chuvas ocorridas na região. Esses são os tipos mais comuns de aquíferos, por isso o mais usado pelo homem, porém ele é também o que tem maior probabilidade de contaminação.
Confinados ou Artesianos: quando a água do aquífero está confinada, há uma pressão maior que a da atmosfera, por causa de uma camada de rochas impermeáveis acima do aquífero. Devida a pressão diferenciada, quando se faz uma extração nesses aquíferos, a água sobe até a superfície, sem precisar de nenhum tipo de bomba que a auxilie, assim são formados os poços artesianos.
Poço artesiano é, como seu nome indica, um poço, com diâmetro pequeno, com a finalidade de coletar a água armazenada em um aquífero. Mas quando a pressão da água no subsolo não é suficiente, precisamos utilizar uma bomba, fazendo com que esse poço seja denominado de semi-artesiano.
Esquema de um poço artesiano. (google)

Nenhum comentário: