terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Japão: corte na meta de redução de gases

Japão: corte na meta de redução de gases do efeito estufa
Governo japonês decidiu cortar drasticamente sua meta de redução de gases causadores do efeito estufa
Vista da prefeitura de Nagoya, no Japão
O governo japonês decidiu em 15/11/13 cortar drasticamente sua meta de redução de gases causadores do efeito estufa.
"O Japão havia prometido reduzir suas emissões de gás que provoca o efeito estufa em 25%, entre 1990 e 2020, mas isso não tinha fundamento" - afirmou o porta-voz do governo, Yoshihide Suga.
"Decidimos abandonar esse objetivo e apontar para uma redução de 3,8% entre 2005 e 2020", o que equivale a um aumento de 3% em relação ao nível de 1990 - segundo os cálculos da imprensa japonesa.
Essa nova meta deve ser anunciada na próxima semana pelo ministro japonês do Meio Ambiente na Conferência sobre o Clima da ONU. A cúpula vai até 22/11/13 em Varsóvia. (exame)

Nenhum comentário: