segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Diferença entre água limpa e água pura


Existe diferença entre água pura e água limpa, diferença importante de ser conhecida para que não cometamos erros ao nos referirmos a uma e outra. O que torna esse dois tipos de água diferentes são as características que apresentam. Veja nesse artigo o que é água pura e o que é água limpa.
A água que usamos no dia a dia
A água que sai da torneira da sua casa, que você usa para lavar as mãos, tomar banho e fazer a limpeza da casa, é água pura ou água limpa? E a água que você compra, para beber, a mineral, é pura ou limpa? Se você ficou em dúvida sobre essa questão, então é porque precisa conhecer um pouco mais sobre as classificações da água.
Não se preocupe, muita gente não sabe como classificar a água da maneira certa, de acordo com suas propriedades químicas. Com isso, acaba chamando de água pura aquela que compra para beber, e muitas vezes até mesmo a água que sai da torneira de sua casa acaba recebendo essa classificação.
Porém, a água que utilizamos em nosso dia a dia é uma água limpa, potável, que está dentro dos padrões de segurança exigidos. Ela pode conter traços de impurezas, mas em porções mínimas que a fazem ser classificada como adequada para consumo.
Entretanto, a água da torneira mesmo sendo classificada como limpa ainda precisa passar por um processo de filtração para ser ingerida, porque os traços de cloro e a possível presença de moléculas e partículas variadas que podem comprometer a saúde.
Nem mesmo a água mineral, que vem direto da fonte, é água pura. A água mineral costuma ser livre de impurezas ou contaminantes, o que a torna adequada para ser ingerida por ser segura para saúde, não contendo traços de poluentes e nem mesmo cloro. Mas, ela contém minerais em sua composição e por isso também não é água pura.


A preservação da água pura e límpida

Afinal, o que é agua pura então?

A composição de uma molécula de água se dá pela presença de dois átomos de hidrogênio e um de oxigênio. Essa é a estrutura de sua molécula. Porém, não é somente hidrogênio e oxigênio que encontramos na água. Sua composição química varia de acordo com as substâncias às quais ela é exposta.

Seja no meio natural ou através da influência da ação humana a água contém em sua composição minerais diversos e até mesmo substâncias tóxicas e micro-organismos causadores de doenças. Dessa maneira toda água que encontramos em qualquer parte do planeta não é agua pura, mas sim acrescida de moléculas além da sua composição básica.

A água pura é aquela que passa por processo de tratamento para que possam ser separados dela os minerais, metais, micro-organismos e partículas diversas que possam estar presentes em sua composição. O tratamento adotado para eliminar essas substâncias e partículas costuma ser a osmose reversa, que retém essas partículas minúsculas e as separa da água.

O que se obtém desse tratamento é a água pura ou destilada, também chamada de desmineralizada. Essa água é empregada para diversas finalidades e utilizada por vários setores da indústria que precisam de água pura, livre de qualquer substância, para ser empregada em seus processos.

A ausência de minerais na água pura a torna apropriada para aplicações na indústria farmacêutica, química, alimentícia de cosméticos, para alimentação de caldeiras, para irrigação, em laboratórios e hospitais, centros de hemodiálise, entre muitas outras.

Porém, justamente pela falta de minerais que a água pura apresenta ela é inapropriada para consumo humano, porque ao invés de repor os sais minerais perdidos ela ajuda eliminar aqueles que o corpo contém e pode trazer danos para a saúde.

Assim, a água que utilizamos no dia a dia é limpa, porque água pura somente se consegue através de tratamentos específicos. (nbjsystems)

Nenhum comentário: