quarta-feira, 11 de junho de 2014

Crise da água: desafios, soluções e decisões

Evento debateu os desafios e as soluções para a crise da água.
Tendo por objetivos debater as razões que levam à escassez cada vez maior de água e apresentar alternativas para o problema, foi realizado em 03/06/14 o evento “Crise da água: desafios e soluções”.
Promovido por Rede Nossa São Paulo, Programa Cidades Sustentáveis, Instituto Ethos e Instituto Socioambiental (ISA), o debate contou com o apoio da Escola Superior do Ministério Público do Estado de São Paulo.
Imagem aérea do Reservatório Cachoeira, do Sistema Cantareira (SP), em 2003.
O encontro contou com a presença de diferentes especialistas, dentre eles: Antonio Donato Nobre, pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais; Marússia Whately, assessora do Instituto Socioambiental (ISA); Marco Antônio dos Santos, Diretor Técnico e Operacional da SANASA, empresa municipal de saneamento de Campinas; Dr. Rodrigo Sanches Garcia, promotor de Justiça do Grupo de Atuação Especial e Defesa do Meio Ambiente do Ministério Público; Jorge Abrahão, diretor-presidente do Instituto Ethos; e Oded Grajew, coordenador geral da Rede Nossa São Paulo e do Programa Cidades Sustentáveis, que mediou a mesa.
Sérgio Rodrigues Ayrimoraes Soares, especialista em recursos hídricos, representou a Agência Nacional de Águas (ANA) no debate.
Dilma Pena, diretora presidente da SABESP, também foi convidada a participar.
Durante o evento, Maurício Broinizi, da Rede Nossa São Paulo e do Programa Cidades Sustentáveis, relatou algumas boas práticas de outros municípios em relação ao tema e fará sugestões que possam ser aplicadas.
Marússia Whately, do ISA, apresentou um panorama geral sobre os mananciais de São Paulo e a dimensão da crise atual, além de um conjunto de propostas práticas que podem ser adotadas, no curto prazo, pela capital paulista e por outras cidades da região metropolitana.
O diretor-presidente do Instituto Ethos, Jorge Abrahão, por sua vez, abordou os principais desafios enfrentados na gestão dos recursos hídricos e as possíveis estratégias conjuntas do poder público, da população e das empresas para superá-los. (socioambiental)

Nenhum comentário: